O papel da CIPA nas empresas

Atualizado: 11 de Dez de 2019

A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes – CIPA - tem como objetivo a prevenção de acidentes e doenças decorrentes do trabalho, de modo a tornar compatível permanentemente o trabalho com a preservação da vida e a promoção da saúde do trabalhador.


Atribuições da CIPA

a) identificar os riscos do processo de trabalho, e elaborar o mapa de riscos, com a participação do maior número de trabalhadores, com assessoria do SESMT, onde houver;

b) elaborar plano de trabalho que possibilite a ação preventiva na solução de problemas de segurança e saúde no trabalho;

c) participar da implementação e do controle da qualidade das medidas de prevenção necessárias, bem como da avaliação das prioridades de ação nos locais de trabalho;

d) realizar, periodicamente, verificações nos ambientes e condições de trabalho visando a identificação de situações que venham a trazer riscos para a segurança e saúde dos trabalhadores;

e) realizar, a cada reunião, avaliação do cumprimento das metas fixadas em seu plano de trabalho e discutir as situações de risco que foram identificadas;

f) divulgar aos trabalhadores informações relativas à segurança e saúde no trabalho;

g) participar, com o SESMT, onde houver, das discussões promovidas pelo empregador, para avaliar os impactos de alterações no ambiente e processo de trabalho relacionados à segurança e saúde dos trabalhadores;

h) requerer ao SESMT, quando houver, ou ao empregador, a paralisação de máquina ou setor onde considere haver risco grave e iminente à segurança e saúde dos trabalhadores; i) colaborar no desenvolvimento e implementação do PCMSO e PPRA e de outros programas relacionados à segurança e saúde no trabalho;

j) divulgar e promover o cumprimento das Normas Regulamentadoras, bem como cláusulas de acordos e convenções coletivas de trabalho, relativas à segurança e saúde no trabalho; l) participar, em conjunto com o SESMT, onde houver, ou com o empregador, da análise das causas das doenças e acidentes de trabalho e propor medidas de solução dos problemas identificados;

m) requisitar ao empregador e analisar as informações sobre questões que tenham interferido na segurança e saúde dos trabalhadores;

n) requisitar à empresa as cópias das CAT emitidas;

o) promover, anualmente, em conjunto com o SESMT, onde houver, a Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho – SIPAT;

p) participar, anualmente, em conjunto com a empresa, de Campanhas de Prevenção da AIDS.


Curso específico de 20h

Para tanto os membros da CIPA deverão ser devidamente orientados e treinados conforme previsto, através de curso especifico de vinte (20) horas, contemplando:

  • Estudo dos Riscos Ambientais;

  • Investigação e analise de acidentes;

  • Noções relativas a acidentes e doenças no trabalho.

  • Noções relativas a AIDS e outras doenças sexualmente transmissíveis;

  • Noções de legislação trabalhista e previdenciária, relativas a segurança e saúde;

  • Princípios gerais de higiene do trabalho;

  • Organização da CIPA e informações necessárias ao exercício das atribuições;

  • Personalizar a aparência de sua mídia, tornando-a panorâmica ou pequena e alinhar facilmente a mídia dentro dos seus posts.

Quer saber mais sobre o curso de NR 5 da Prevserra? Confira o conteúdo programático

​Gostaria de capacitar seus colaboradores? Consulte a nossa agenda de eventos.


Fonte: Prof. Emerson Costa - Universidade FUMEC.

13 visualizações
  • LinkedIn ícone social
  • png-whatsapp-preto--smv-facilita-virtual
  • Instagram
  • Facebook ícone social

©2019 Prevserra - Assessoria em Saúde, Segurança e Medicina do Trabalho.

Rua 13 de maio, 203 - Bento Gonçalves/RS - CEP. 95700-052

(54) 3055-3009/ (54) 3702-0330